Carregando
Facebook SINDPOL/AL Twitter SINDPOL/AL Instagram SINDPOL/AL WhatsApp SINDPOL/AL YouTube SINDPOL/AL (82) 3221.7608 | 3336.6427

Sindpol-AL: Problemas da segurança e assassinato do policial civil Aloísio Barbosa

Por Imprensa (sábado, 2/06/2018)
Atualizado em 2 de junho de 2018

O vice-diretor de Comunicação do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol), Vicente Higino, concedeu uma entrevista ao Plantão Alagoas para debater a violência, que vitimou o policial civil Aloísio Barbosa de Lima e cobra esclarecimento do crime.

Na entrevista, Vicente Higino, que está acompanhado de outros diretores do Sindpol, ressalta a defasagem de mais de três mil policiais civis em Alagoas. Cita também que a maioria das delegacias do interior só tem apenas um policial civil no plantão, revelando também os problemas com o desvio e a usurpação da função do policial civil. “O governo faz concurso para policiais militares e Corpo de Bombeiro, mas não realiza para policiais civis. A Polícia Civil está acabando. Não adianta colocar apenas a polícia ostensiva, deixando a Polícia Civil de lado. A violência se combate com a investigação”, aponta.

O dirigente do Sindpol destaca que os policiais civis não têm as ferramentas para combater a criminalidade, ressaltando que a polícia está sucateada. “O governo não investe na inteligência. Sabemos onde está a criminalidade, mas não temos o material humano”, denuncia.

Ele informa também que o efetivo é de 1.700 policiais civis, desse total, mais de 600 irão se aposentar neste ano.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2018 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS