Carregando
(82) 3221.7608 | 3336.6427

Policiais civis decidirão sobre indicativo de greve na segunda-feira (13)

Por Imprensa (quinta-feira, 9/01/2020)
Atualizado em 14 de janeiro de 2020

O Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) realizará uma assembleia geral com indicativo de greve, na próxima segunda-feira (13), no auditório dos Bancários, a partir das 13 horas. Os policiais civis aguardam a definição do governo do Estado sobre a pauta de reivindicações, em destaque, o reajuste do piso salarial, a periculosidade e o serviço voluntário.

O presidente do Sindpol, Ricardo Nazário, ressalta que o governo do Estado não valoriza os agentes e escrivães de polícia, que possuem o pior salário da segurança pública com nível superior em Alagoas. Atualmente, o soldado da Polícia Militar, que é nível médio, recebe piso salarial maior que a categoria. O Governo do Estado também deve 16% de perdas salariais e ainda concedeu 29% de reajuste aos delegados, que ganham o inicial seis vezes mais que os agentes e escrivães.

Para piorar a situação, o Governo do Estado encaminhou à Assembleia Legislativa o projeto de serviço voluntário apenas para os delegados, deixando de fora os agentes e escrivães.

 

Resultado

Graças ao trabalho investigativo dos agentes e escrivães, o crime de homicídio reduziu quase 30% em Alagoas. Mas o governo ignora a importância da categoria, que arrisca a sua vida para proteger a sociedade. “Os agentes e escrivães não aguentam mais ‘tapinhas nas costas’ do governo do Estado sem haver valorização e motivação para a categoria que desempenha suas funções”, disse Ricardo Nazário.

Na assembleia geral, além da questão salarial, o Sindpol tratará da portaria da Delegacia Geral que acaba com os plantões no interior e na capital, sobrecarregando e desmotivando ainda mais os agente e escrivães nas delegacias.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2020 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS