Facebook SINDPOL/AL Twitter SINDPOL/AL Instagram SINDPOL/AL WhatsApp SINDPOL/AL YouTube SINDPOL/AL (82) 3221.7608 | 3336.6427

Sindpol constata que Delegacia de Pilar coloca em risco a saúde dos policiais

Por Imprensa (quinta-feira, 25/01/2018)
Atualizado em 25 de Janeiro de 2018

A diretoria do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) realizou inspeção na Delegacia de Pilar, constatando a estrutura precária de trabalho e risco à saúde dos policiais civis.

Nas salas, na cozinha, garagem e na recepção da delegacia existem entulhos de materiais de apreensão, como motos, acumulando poeira e insetos. Entre os materiais, há dezenas de caixas de alimentos que estão fora da validade. Os materiais acabam se transformando em um ambiente de proliferação de ratos e outras pragas, os quais prejudicam a saúde dos policiais e da população. Além do forte odor desagradável na delegacia. Nas paredes, há infiltrações e mofos.

Na visita, o efetivo policial reclamou da demora do sistema prisional que só recebe presos nos dias de terça e quinta-feira. “Por conta do cronograma, muitos presos acabam ficando na delegacia por mais de uma semana, prejudicando o trabalho dos policiais civis, a investigação de crimes e os policiais plantonistas”, revela o presidente do Sindpol, Ricardo Nazário.

A carceragem também não oferece condições apropriadas para o preso. Construída em local inapropriado, dentro prédio, em uma área que dá acesso à recepção da delegacia. A localização propicia a fuga de preso, como ocorreu há mais de 20 dias.

Além do presidente do Sindpol, os diretores Stélio Pimentel Jr, Bartolomeu Rodrigues e Fernando Amorim também participaram da inspeção da delegacia.

 

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2018 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS