Carregando
Facebook SINDPOL/AL Twitter SINDPOL/AL Instagram SINDPOL/AL WhatsApp SINDPOL/AL YouTube SINDPOL/AL (82) 3221.7608 | 3336.6427

Presidente do Sindpol perseguido será ouvido pela PC em decorrência das denúncias da Delegacia de União dos Palmares 

Por Imprensa (segunda-feira, 8/01/2018)
Atualizado em 8 de janeiro de 2018

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol), Ricardo Nazário, foi intimado a comparecer à Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) nesta segunda-feira (08), às 10 horas, no inquérito policial, que foi instaurado após as denúncias do dirigente sindical à imprensa sobre as precárias condições de trabalho e a superlotação de presos na Delegacia de União dos Palmares. Os advogados do Sindpol Welton Roberto e Lilian Marcia acompanharão o sindicalista.
 O Delegado Geral havia publicada portaria, designando dois delegados especiais para investigar o presidente do Sindpol, em um momento delicado na Polícia Civil onde há necessidade de profissionais para combater a violência, elucidar crimes, principalmente, os homicídios, além do deficit de 3.000 pessoas na instituição policial.
A perseguição ao presidente do Sindpol continua pelo Governo do Estado. Uma nova intimação chegou ao Sindpol para que o dirigente sindical seja ouvido na próxima quinta-feira (11), na Corregedoria de Polícia. A Assessoria Jurídica do Sindpol está apurando sobre o que se trata o novo procedimento contra Ricardo Nazário.
Mesmo com as perseguições do Governo, o presidente do Sindpol adianta que continuará desenvolvendo os trabalhos do Sindicato, fiscalizando as condições de trabalho e denunciando as precariedades, contribuindo, dessa forma, com a melhoria da Polícia Civil e da segurança pública.

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2018 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS