Facebook SINDPOL/AL Twitter SINDPOL/AL Instagram SINDPOL/AL WhatsApp SINDPOL/AL YouTube SINDPOL/AL (82) 3221.7608 | 3336.6427

Cinco benefícios do futebol na melhoria da qualidade de vida

Por Imprensa (sexta-feira, 19/01/2018)
Atualizado em 19 de Janeiro de 2018

O futebol é um esporte e, assim como todas as atividades físicas, faz bem para a saúde. Preserva o coração, aumenta a massa magra, melhora o condicionamento físico… Mas existem algumas coisas que o futebol pode acrescentar na sua qualidade de vida, como encontrar os amigos, refrescar a cabeça, controlar a ansiedade, estimular o cérebro, aumentar a coordenação e a aprender a improvisar. Aqui nesse post vamos mostrar alguns benefícios que o futebol, mais do que as outras atividades físicas, podem trazer para sua vida.

benefícios do futebol na qualidade de vida humana

1) Estimula o cérebro

Estudos mostram que os cérebros dos jogadores de futebol possuem excelentes funções executivas, devido a utilização constante de processos cerebrais responsáveis pelo planejamento e pelo pensamento abstrato.

Isso acontece porque no futebol utilizamos constantemente a inteligência para tomar decisões – as mais assertivas possíveis em pouco tempo. O futebol é um dos únicos esportes que estimula a processar as informações rapidamente e tomar decisões rápidas. Afinal, são muitas surpresas e acasos ao longo de uma partida.

2) Aumenta a coordenação

O nosso cérebro trabalha em conjunto com os músculos, funcionando como um sistema completo. Essa combinação, que chamamos de coordenação motora, permite que os praticantes do futebol realizem movimentos considerados técnicos-táticos. Quanto mais evoluída for a coordenação motora, mais os atletas podem realizar as jogadas estratégicas e com velocidade. Por isso que o futebol destaca-se como um esporte chave no estímulo da capacidade motora.

3) Trabalha os principais grupos musculares

O futebol atua em diversos músculos, principalmente os da parte inferior do corpo, como a panturrilha, as coxas e os posteriores. O abdômen e os glúteos também são bastante utilizados nessa atividade. Ainda, dependendo da posição do jogador – pode ser um atacante, meio-campo, zagueiro ou ainda goleiro, outros grupos musculares são trabalhados de forma diferente.

4) Trabalho em equipe

Jogar um futebol bonito, tanto o profissional quanto o não profissional, envolve sinergia entre a equipe. Para um time demonstrar uma boa atuação em campo, é fundamental a sincronia entre os jogadores: o que só é possível se houver organização e interesse entre todos os envolvidos. Isso é um dos maiores diferenciais do futebol. Ajuda a desenvolver as habilidades de lidar com o coletivo, estimula a pró-atividade, a empatia e o espírito de equipe.

5) Torna-se um hábito facilmente

Além de todo o trabalho físico, o futebol tem uma magia única. Reunir os amigos e fazer um campeonato é extremamente fácil: basta apenas uma bola e um campo. Além da interação social, a oportunidade de conhecer novas pessoas e fortalecer seus laços, o futebol cria o compromisso do esporte coletivo. Se um jogador falta, acaba com a partida. O compromisso estimula os boleiros a comparecer. Por isso que o futebol é um dos poucos esportes que podem virar um hábito facilmente. E mais ainda para os brasileiros onde é algo enraizado desde a infância. A pelada regular e estabelecida semanalmente com seus amigos pode ser um dos primeiros passos para uma vida saudável.

Fonte: Joga+

Compartilhe essa notícia

WhatsApp

Comentários

Faça agora seu Recadastramento
e fique informado

© Copyright 2001 - 2018 | SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DE ALAGOAS